Como o cachorro foi domesticado? Conheça a história evolutiva dele!

Os cachorros são umas fofuras não é mesmo? Eles alegram qualquer casa e fazem de toda família que os adotam mais felizes. Mas como essa história começou?

Você já parou para pensar sobre desde quando esses animais se tornaram pets? Há um tempo distante os cães eram animais selvagens, bem diferentes dessas criaturinhas que criamos hoje em dia.

Que tal conhecer a história evolutiva dos cachorros? Você logo saberá mais sobre a trajetória deles das florestas até a suas caminhas coloridinhas no canto do quarto das crianças.

Quando tudo começou?

Cachorros

Acredita-se que este seja um hábito bastante antigo. O cachorro foi provavelmente o primeiro animal a ser domesticado por humanos, tal feito ocorreu na era glacial, há mais de 500 mil anos.

Inicialmente a relação tinha fins de trabalho. Os cachorros ajudavam seus humanos durante a caça.

Você não pensou que eles virariam o melhor amigo do homem assim tão facilmente não é mesmo?

Esses animais ainda não eram tão amigáveis como os que conhecemos atualmente. Como sabe-se bem, os cachorro descendem dos lobos e, na era glacial eles eram muito mais parecidos com seus ancestrais do que com os que conhecemos agora.

Diante disso, a história da aproximação entre homens e cães se torna ainda mais intrigante.

A verdade é que a relação inicial não era de amor e carinho como se vê por aí, porém de pleno interesse.

Os lobos se aproximaram das tribos em busca dos restos alimentares dos humanos, logo acabaram decidindo permanecer ali por saberem que sempre teriam do que se alimentar. Enquanto isso, o homem passava a se sentir protegido pela presença do animal. Não demorou para que começassem a caçar juntos.

O Caminho Percorrido  

Cachorros

Você provavelmente já ouviu falar sobre adaptação. Os lobos se acostumaram a receber alimentos dos humanos e foram, o longo dos anos, perdendo sua capacidade de caçar. Além disso, com o desenvolvimento da agricultura pelo homem, eles passaram a obter novas fontes de alimentos.

Com o tempo, os lobos evoluíram para cachorros e acabaram passando de caçadores a pastores.

O que vem após a adaptação? A seleção.

Não demorou para que o homem fosse capaz de diferenciar os animais que tinham potencial para destruir as tribos e os que tinham uma personalidade mais pacífica. Dessa forma, eram mantidos e cruzados animais selecionados, surgindo assim as primeiras raças de cães.

Por serem animais de fácil adaptação os cachorros migraram junto com seus homens pelo mundo. Sendo assim, foram se popularizando e se espalhando cada vez mais. As relações entre homens e esses animais são descritas ao longo de toda a história da humanidade desde então.

A Domesticação

Cachorros

A amizade homem e cão foi se desenvolvendo passo a passo até chegar a ser o que é hoje em dia. Não pense que de lobos, pastores, a esses pequenos fofinhos que temos em casa foi apenas um passo.

Durante o Egito Antigo, os cachorros eram tidos como donos de segredos e em Roma chegaram a ser adorados como deuses. Em Gália esses animais eram honrados sendo enterrados juntamente com seus donos.

Com a popularização da espécie no continente europeu, não demorou para que eles conquistassem os corações dos nobres. As novas raças que apareceram durante o Renascimento eram consideradas um tesouro escondido.

Os cães ficaram tão próximos aos homens que fizeram parte de todo o caminho que a humanidade trilhou até chegarmos onde estamos.

Eles morreram durante a Peste Negra, lutaram guerras, participaram de expedições, tornaram-se parte de tudo.

Com o passar do tempo descobriu-se que esses animais eram capazes de ser treinados e que podiam contribuir ainda mais ao viverem em meio à sociedade, surgiram então os cães farejadores, os guias para cegos, os truques caninos etc.

Surgimento de Novas Raças

Cachorros

Não demorou para que começasse a ocorrer a manipulação genética e para que os pesquisadores desenvolvessem novas raças, cada vez mais diversificadas e encantadoras.

Os cães atualmente tornaram-se parte das famílias humanas. Eles são os amigos, a companhia, são a diversão das crianças, são a alegria da casa. Os animais desta espécie que conhecemos hoje, apesar de apresentarem traços de seus ancestrais lobos, perderam muito de sua personalidade ao longo da evolução.

Humanos aprenderam a manipular as características do animal, passaram a cruzar cachorros mais dóceis entre si, a trabalhar com a genética para criar alterações que consideravam favoráveis, a desenvolver raças de cachorros novas a partir do que se tinha até então.

Cachorros

Os buldogues por exemplo, são frutos de um trabalho genético do século passado. O seu focinho foi encolhido devido a uma alteração genética provocada, eles acabaram desenvolvendo problemas com a respiração.

Muitas outra raças foram trabalhadas e desenvolvidas pelo homem. Apesar dos danos, é inegável que essas criaturinhas ficam cada dia mais fofas.

Se você ainda não tem um amiguinho, não tem porque ter receios, os cachorros não só os melhores amigos do homem, mas são também os mais antigos.