Por que no Brasil não neva?

É muito comum que em países do hemisfério norte caia neve como nunca, mas para nós aqui no Brasil nem tanto. E a explicação da neve não cair aqui na terrinha é bem simples e vamos explicar agora para vocês.

Mas antes, é interessante dizer que, o fato de muitas pessoas associarem o natal com neve aqui no nosso país é errôneo. Neve e natal só combinam com países do hemisfério norte, onde é inverno. É bem fácil de entender, veja só: enquanto o calendário é igual para todos, as estações por sua vez não. O Brasil é um país tropical, e seu verão é intenso. Essa história de neve e natal é algo cultural e infelizmente devemos esquece-la. Devemos começar a colocar o Papai Noel de bermuda e regata, o que acham?

Como a neve se forma?

Bom, antes de mais nada é interessante entendermos com funciona a formação da neve. E não há como compreender melhor nosso artigo do que sabendo como a neve ocorre.

  1. As nuvens são feitas de vapor d’água, quando nuvens com temperaturas abaixo de 0°C se encontram elas criam cristais de gelo;
  2. Depois que os cristais se encontram e se unem, eles formam os famosos ‘flocos de neve’;
  3. Ao caírem, acontece o fenômeno chamado de ‘precipitação‘, com gelo acontecendo, forma-se a neve.

Sabemos que não existe só um tipo de neve, como já foi visto no artigo “Como a neve é formada?”. Existem 7 tipos de neve e não são todas que podem cair no Brasil. Veja.

Neve, geada ou granizo

A geada é algo mais comum, acostumados a vermos nas manhãs, geralmente, depois de uma noite gelada. Pode não haver nenhuma nuvem no céu, que o solo e as superfícies ficarão branquinhos com o gelo.

Então, mesmo quando não há nuvens, a geada se forma a partir do tempo frio, com o vapor que está no ar. Já a neve cai das nuvens.

O granizo é a precipitação da água que se solidifica nas nuvens. Ele não altera a temperatura do ambiente.

Mas e por que no Brasil não neva?

Poderíamos dar uma explicação breve e resumida sobre o tema, dizendo que o fato de não nevar no Brasil decorre de estarmos na zona tropical do planeta, bem na linha do Equador. Mas não, vamos mostrar alguns detalhes.

Quanto mais próximo o país da linha do Equador, menores são as chances de cair neve. A explicação é que raios solares que atingem o solo são mais fortes na linha imaginária. Enquanto que em países mais próximos dos pólos, os raios não pegam em cheio, atingindo de “raspão”.

Então, os geólogos dividiram o planeta em 3 zonas:

  • Zona tropical: que é onde o Brasil de encontra, pelo menos a sua maior parte;
  • Trópico de Capricórnio: que são os países do hemisférios sul;
  • Trópico de Câncer: países do hemisfério norte.

Nos países localizados na zona tropical, como Brasil, Equador, Peru, Tailândia, Venezuela e Quênia, não há muita mudança climática. Uma vez que os raios solares atingem a zona com maior intensidade.

Então, quanto maior for a altitude, mais chances de cair neve no país. Como é o caso dos Estados Unidos, Canadá e alguns países da Europa. O nosso país está longe dos pólos, tendo a probabilidade de neve ser quase nula.

Mas não é só latitude e altitude que influenciam no fenômeno. Correntes marítimas e montanhas também influenciam. As correntes marítimas podem trazer massas de ar frio ou quente. As montanhas servem como barreiras que impedem a chegada do ar frio a lugares, e elas acabam formando os ‘picos nevados’.

Então pode ser que países com a mesma latitude e altitude não possuam locais com neve.

Neve no Brasil?

Embora seja um país com a maioria do clima tropical, existem lugares onde cai neve sim no Brasil.

O nosso país é subdividido por climas, explicando porque em algumas partes faz muito frio, já em outras é a mesma estação (parece) o ano inteiro. Vejamos no mapa abaixo.

Quando chega uma frente fria que abaixa as temperaturas, as chances de cair neve são grandes, nos lugares apontados no mapa. Regiões sul do país estão mais propensas, devido a fatores geológicos já vistos aqui.

Em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul já foram registrados períodos com muito frio e neve. Até em São Paulo e Rio de Janeiro foram agraciados com o fenômeno.

Santa Catarina

  • São Joaquim
  • Urupema
  • Urubici
  • Bom Jardim da Serra
  • Lages
  • Curitibanos
  • Itápolis
  • Cambirela
  • Abitápolis
  • Chapecó
  • Blumenau

Rio Grande do Sul

  • São José dos Ausentes
  • Bom Jesus
  • Cambará do Sul
  • Vacaria
  • São Francisco de Paula

Paraná

  • Guarapuava
  • Cascavel
  • Cruz Machado
  • Inácio Martins
  • Ponta Grossa

São Paulo

  • Campos do Jordão
  • Cunha

Rio de Janeiro

  • Itatiaia (Parque Nacional do Itatiaia)

Se quiser conhecer neve, certifique-se antes, pois não é sempre que neva nesses lugares. Eu diria que é muito raro, inclusive.